Marca do Crea-AC para impressão
Disponível em <https://creaac.org.br/houve-uma-revolucao-na-agronomia-nos-ultimos-50-anos-diz-presidente-do-confea/>.
Acesso em 24/03/2023 às 21h39.

‘Houve uma revolução na agronomia nos últimos 50 anos’, diz presidente do Confea

7 de abril de 2021, às 12h35 - Tempo de leitura aproximado: 2 minutos

A importância do trabalho do engenheiro agrônomo neste período de pandemia para a segurança alimentar foi um dos temas da entrevista com o presidente do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), Joel Krüger, veiculada em 27 de março de 2021. O programa marcou a estreia da nova série Agronomia Sustentável, que será exibida todo sábado, às 9h, no Canal Rural.

Krüger destacou a interface do agrônomo com as outras engenharias. E como a atuação desses profissionais tem contribuído para a produção e distribuição de alimentos neste momento de crise.

“Mesmo neste momento de pandemia mundial, todos os nossos profissionais estão colaborando para esses resultados. De forma global, temos profissionais de todas as engenharias na linha de frente”, afirmou.

Leia também: Agronomia sustentável: a conexão entre o rural e o urbano

O presidente do Confea acrescentou que, em pelo menos sete áreas de atuação da engenharia, há ligação com setores essenciais em funcionamento, além da produção de alimentos. A manutenção de equipamentos, logística e, no caso das vacinas, a engenharia mecânica, responsável pela refrigeração dos imunizantes, são alguns exemplos.

Krüger mencionou como a profissão de agrônomo passou por diversas transformações nas últimas décadas e contribuiu para solidificar o Brasil como protagonista mundial no agronegócio. “Tivemos uma revolução na nossa agronomia nos últimos 50 anos. Saímos de importadores de alimentos para sermos exportadores e um dos players importantes em nível mundial”, pontuou. Atualmente, são cerca de 110 mil engenheiros agrônomos inscritos no Sistema Confea/Crea.

Ele afirmou ainda que, apesar de a atuação principal desse profissional ser dentro da porteira, o agrônomo tem um espaço importante nas cidades. E citou exemplos: “Brasileiro é apaixonado por futebol, os jogadores querem o melhor gramado possível. Então, esse trabalho de preservação dos gramados dos estádios é feito pelo engenheiro agrônomo. Outra área é o paisagismo, os jardins, as praças, os parques”, citou.

Saiba mais
No próximo sábado (03/04), será exibido o primeiro documentário da série Agronomia Sustentável, que está percorrendo capitais das cinco regiões do país, abordando a versatilidade da atuação desse profissional em centros urbanos.

A série terá como foco a conexão que o trabalho do engenheiro agrônomo faz entre o campo e a cidade e sua importância para a agropecuária e para a qualidade de vida da população. A primeira parada será na cidade de São Paulo.

O projeto Agronomia Sustentável é uma parceria do Canal Rural com o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) e a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).

Fonte: Canal Rural


Estamos online das 7:30h às 13:30h!