Marca do Crea-AC para impressão
Disponível em <https://creaac.org.br/agua-e-vida-e-preservar-e-viver/>.
Acesso em 25/05/2024 às 10h41.

Água é vida e preservar é viver

22 de março de 2023, às 9h58 - Tempo de leitura aproximado: 2 minutos

Por Daniela Silva Tamwing Aguilar

A água é um elemento essencial e indispensável para manutenção da vida no planeta. Seu valor é notório não somente no tocante à saúde e ao desenvolvimento das atividades humanas, mas também por sua relevância social e ambiental, pois é matéria-prima para diversos processos industriais e para a agricultura, além das funções de geração de energia e meio de transporte.

Dizer que a água é vida se tornou um clichê e tem feito com que muitos banalizem ou não deem a importância devida a esse recurso tão precioso. A água é essencial não só para o desenvolvimento de nossas atividades domésticas, como tomar banho e lavar louça, como também é fonte de vida, compondo cerca de 70% do corpo humano, sendo recomendado para o funcionamento corporal que uma pessoa tome dois litros de água por dia.

Por ser algo comum em nossa rotina, muitas vezes não valorizamos a água, apenas percebemos a importância do recurso no momento em que nos falta. Essa é uma realidade que precisa mudar, precisamos valorizar e preservar a água, pois assim estaremos preservando a vida e o planeta.

Ao verificarmos as pesquisas que apontam que cerca de 12% da disponibilidade de água doce do planeta está  em território brasileiro, pode parecer muito, mas distribuição dessa água é desigual, pois cerca de 68% está Região Norte, enquanto as regiões Nordeste e Sudeste possuem 3% e 6%, respectivamente. O problema ocorre devido ao fato de que essa distribuição segue uma ordem inversamente proporcional ao número de habitantes.

Apesar de a Região Norte ter maior disponibilidade hídrica, o acesso a água potável e esgoto tratado ainda é um grande desafio. O Estado do Acre, segundo dados do Painel Saneamento Brasil, tem 47,2% da população com acesso a água e 11,4% da população com coleta de esgoto, o que demonstra que ainda temos muito a avançar.

Nesse sentido, o governo do Acre, através do Saneacre, tem investido em ampliações e melhorias do sistema de abastecimento de água, visando à universalização do acesso a água potável. Apenas no ano de 2022, foram implantados 13,9 km de rede, com investimento de um milhão de reais de recurso próprio, levando o benefício para aproximadamente 1.200 famílias da área urbana.

Nessa perspectiva, espera-se avançar nas tratativas e parcerias para ampliar o atendimento, com abastecimento de água tanto na área urbana como na rural e aldeias indígenas, o que é um grande desafio, mas também de extrema relevância para a atual gestão.

Em alusão ao Dia Mundial da Água, comemorado em 22 de março, é importante que possamos nos conscientizar sobre a relevância da água para a nossa sobrevivência e de outros seres vivos, bem como sobre a necessidade do uso sustentável da água e a conservação dos recursos hídricos, evitando sua poluição e contaminação.

*Daniela Silva Tamwing Aguilar, diretora de Planejamento e Projetos de Saneamento no Saneacre, é engenheira civil (Ufac), com MBA em Administração Pública e Gerenciamento de Cidades, mestrado na Ufac/Cita com ênfase em Recursos Hídricos e docente no curso de Engenharia Civil da Uninorte


Estamos online das 7:30h às 13:30h!